Messerschmitt Bf 109G-2 Trop ‘W. Schroer’ - Hasegawa 1/48
Escrito por Eduardo Brettas   
Sex, 22 de Janeiro de 2010 00:00
 

Kit No. 09853

Breve histórico

  O Messerschmitt Bf 109G-2 ‘Gustav’ entrou em produção em maio de 1942, sendo construídos até fevereiro de 1943. As primeiras unidades foram entregues aos Jagdgeschwader em junho de 1942 e praticamente todas as unidades da Luftwaffe receberam do G-2. Esteve presente em todas as frentes e um total de 1.587 unidade saíram das fábricas Erla, WNF e Messerschmitt Ragensburg.

O G-2 não tinha o cockpit pressurizado, uma das principais diferenças com o G-1, era equipado com uma MG 151/20 20mm que disparava através do cubo da hélice. Duas MG 17 7.92mm montado no alto do capô do motor. O motor era um Daimler Benz DB 605 A e o equipamento eletrônico um FuG 25 IFF, FuG Vlla radio.

Foi um avião muito bem sucedido, naturalmente foi alvo de críticas principalmente após a morte de Marseille, mas foi também admirado e respeitado por muitos pilotos, incluindo aí alguns dos maiores ases da Alemanha.

O kit:

O kit vem numa caixa resistente e com uma bela ilustração da aeronave voada pelo ás Werner Schroer na tampa.

Ao abrirmos a caixa, observamos que todo o kit está condicionado em duas embalagens. Uma embalagem com cinco árvores em plástico cinza com 86 peças, uma árvore com 3 peças em resina amarela e outra embalagem com decais e transparências com 6 peças.

Capô do motor e rodas para o G-2.

Os decais e transparências estão numa mesma embalagem, em minha opinião, deveriam vir separados, pois isso facilita danos no transporte.

Observando as árvores principais, vemos que a Hasegawa aproveitou um o kit de um Bf 109G-6 para fazer a conversão em G-2 acrescentando apenas uma árvore em resina contendo o capô modificado e rodas. Com essas opções, podemos montar um Bf 109G-1, G-2, G-4, G-5, G-6 e G-14 fazendo pequenas modificações.

O kit é muito bem injetado com linhas finamente rebaixadas.

Folha de instrução é muito bem impressa com ótimos desenhos explicando detalhadamente cada passo.

Os decais são bons com uma excelente impressão, mas ainda um pouco espesso para os padrões atuais.

As transparências são finas de excelente qualidade.

O kit apresenta três opções de pintura, duas para o G-2 voado pelo Oblt. Werner Schroer e uma aeronave do JG 77.

A Hasegawa produz as mesmas asas para o 109 F, G e K. Dependendo da série que você vai montar é preciso acrescentar alguns painéis. No caso do G-2, o porão das rodas não era redondo como na sárie F, portando é preciso cortar o que está em vermelho.

O Messerschmitt Bf 109G-2 da Hasegawa é o melhor que existe no mercado, mas ainda assim apresenta alguns problemas, como:
1. rack e o tanque de combustível de 300 litros não representam com fidelidade os originais, são bem fracos;
2. poderiam representar melhor os instrumentos nas laterais do cockpit
3. cubo da hélice com um ângulo muito acentuado.

Outro problema encontrado está no capô em resina que é menor. A Hasegawa tentou corrigir um pequeno erro do antigo capô, as entradas de ar laterais eram desproporcionais e vinham separadas.

Capô original para o Bf 109G-6 com encaixe perfeito.

Capô em resina mostrando a folga que deverá ser corrigida.

Aqui o capô do motor antigo que acompanhavam os F-2, F-4, G-2 e G-4 produzidos pela empresa. Particularmente gosto mais do antigo capô.

Bom, é um equipamento muito agradável, e as possibilidades são muitas. Os pequenos problemas poderão ser corrigidos com o acréscimo de peças em resina e PEs encontrados com facilidade no mercado.

Com certeza eu recomendo o kit.

Agradecemos a LUCKYMODEL pelo modelo deste review.

 
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Clique nos links para ir a pagina.

Notícias e Reviews Anteriores

Ultimas do Forum